Loja Biovip de

Curcuma, um superalimento

Curcuma, um superalimento

Considerando um superalimento um alimento que possui uma elevada densidade de nutrientes e fitoquímicos com benefícios específicos para a saúde, a Curcuma não podia deixar de ser considerada um.

Açafrão-da-Índia, Açafrão-da-Terra, Gengibre-amarelo ou Turmeric são outras formas de identificar a Curcuma (Curcuma longa). É nativa da Índia e é devido aos seus compostos fenólicos, nomeadamente os curcuminóides, a que se deve a cor alaranjada. O principal curcuminóide é a curcumina (75%), portanto, este é considerado o principal composto ativo da Curcuma.

Propriedades terapêuticas

Muito usada na Medicina Tradicional Chinesa e Ayurvédica, a Curcuma é procurada pelas suas propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes.

É sabido que uma inflamação surge a partir de uma agressão ao organismo, sendo a forma que este tem para se equilibrar e proteger. Situações de inflamação crónica propagam-se de forma inapropriada pelos tecidos do corpo.

Acredita-se que a inflamação desempenha um papel ativo nas doenças cardiovasculares, cancro e doenças degenerativas. Neste sentido, vários estudos têm sido desenvolvidos, o que permite a inclusão da Curcuma em vários suplementos alimentares para avaliar os efeitos da curcumina como um ativo anti-inflamatório.

Verifica-se que a curcumina consegue reduzir a inflamação, acusando, assim, um benefício na artrite, na inflamação intestinal, nos problemas de pele como eczema ou acne, na prevenção e propagação do cancro, na redução da adipogénese (formação de reservas de gordura), na melhoria da sensibilidade à insulina e na regulação da pressão arterial, por melhoria da obstrução dos vasos sanguíneos.

O organismo humano diariamente está sujeito ao stress oxidativo, isto é, radicais livres produzidos de acordo com o estilo de vida do ser humano e que tendem a reagir com as células saudáveis, provocando-lhes danos que podem despoletar para doença crónicas.

A curcumina apresenta-se como um potente antioxidante, protegendo as células contra a ação dos radicais livres e estimulando os mecanismos presentes no corpo a produzirem mais antioxidantes.

Muitos já chamam a curcumina de “suplemento anti-idade”, dado que a inflamação e a oxidação (stress oxidativo) contribuem para o envelhecimento. Por isso, a curcumina tem efeitos no retardamento do envelhecimento e na prevenção de doenças associadas ao mesmo.

Bibliografia →

← Anterior Próximo →

Assine nossa newsletter e fique por dentro das novidades

Os cookies são importantes para oferecer um serviço online de melhor qualidade. Ao utilizar o nosso site está a concordar com a nossa política de privacidade e de utilização de cookies, saiba mais aqui.

Carrinho

Parece que o seu carrinho está vazio!

Olá,